Dicas Nutricionais

Indicações de uso do colágeno hidrolisado

O colágeno é uma proteína cuja principal função é formar fibras que dão sustentação à pele, deixando-a mais firme. O mesmo é extraído do osso e da cartilagem do boi, passa pelo processo de hidrólise, ou seja, quebra da proteína, para ser absorvido pelo organismo.

O colágeno é produzido normalmente no nosso organismo desde que nascemos. Contudo, quando entramos na fase da maturidade, sua deficiência começa a ser notada, com a diminuição da elasticidade da pele, o aparecimento de rugas e o aumento da fragilidade articular e óssea.

É indicado para pessoas acima de 30 anos. Estudos mostram que a partir dos 30 anos, o corpo sofre uma perda de colágeno por volta de 1% por ano, e aos 50, passa a produzir apenas uma média 35% do colágeno necessário para os órgãos de sustentação. Como suplemento nutricional é indicado para pessoas fisicamente ativas que desejam aumentar o consumo de proteínas, assim como para o fortalecimento de unhas e cabelos. Também é indicado em processos de cicatrização e recuperação de lesões e em processos de emagrecimento, combate à flacidez da pele, retarda o envelhecimento e previne rugas, contribui para a saúde dos ossos, previne celulites e estrias, auxilia no sistema linfático, entre outros.

O colágeno hidrolisado é reconhecido como um ingrediente alimentício pelo Ministério da Saúde e pelo FDA (órgão que regulamenta alimentos e bebidas nos EUA) e atualmente já é possível observar no mercado alguns alimentos enriquecidos com essa proteína.

É encontrado em pequenas quantidades nos alimentos que contém proteína como a carne e leite e nas gelatinas. Entretanto, somente a alimentação não é capaz de fornecer a quantidade ideal dessa proteína que nosso organismo necessita a partir dos 30-40 anos. É aí que entra a suplementação. Você pode usar tanto o colágeno em cápsulas quanto em pó.

 

 

Drª Queila A.R.Duque Amorim

Nutricionista

Especialista em Nutrição Pediátrica e Escolar

Pós Graduanda em MBA Gestão Estratégica de Pessoas