Dicas Nutricionais

O que é a dieta paleolítica?

O período paleolítico data de 2,5 milhões de anos a.C. e vai até aproximadamente 10.000 a.C., que dá início o período neolítico onde o homem deixa de depender da caça e passa a cultivar o seu próprio alimento. A dieta paleolítica se inspira nesse período que antecede o advento da agricultura. Ou seja, trata-se de um retorno às bases primitivas da alimentação, tratando-se de uma dieta que tem como base a carne de caça e os alimentos que estão disponíveis nas plantas.

Uma dieta paleolítica não precisa necessariamente ser Low Carb, assim como nem toda dieta Low Carb é uma dieta Paleolítica. Uma dieta Low Carb pode ter, dentro dos até 100g permitidos, uma quantidade de carboidrato proveniente de alimentos industrializados e com alto índice glicêmico. Na dieta Paleolítica o principal objetivo é tentar eliminar ao máximo os produtos industrilizados e dar preferência ao alimento mais natural, preparado em casa e orgânico (de preferência).

São permitidos: frutas (de baixo indíce glicêmico); verduras (de baixo índice glicêmico); oleaginosas; derivados do leite (em alguns casos – queijo, iogurte e/ou nata); carne (de preferência orgânica), frango (de preferência orgânico), ovos e peixes (selvagens); tubérculos e raízes também são permitidos em alguns casos. Os grãos, leguminosas, produtos industrializados, farináceos, etc. devem ser evitados.

Nossos ancestrais não tinham o livre acesso ao alimento. Eles precisavam caçar o seu alimento. E essa era a atividade física dele. Assim, a atividade física associada à dieta tem uma grande importância. Mas não é qualquer atividade. É a atividade física de alta intensidade e curta duração.

A dieta paleolítica é um estilo de vida, assim como ser vegetariano é um estilo de vida. Há pontos positivos que podem ser aproveitados para o dia a dia, mas devemos levar em consideração todos os aspectos do mundo moderno (estresse, trabalho, poluição, acesso ao alimento, etc.). Assim, você pode adotar aspectos do estilo de vida paleolítico para o seu dia a dia, mas não sem o acompanhamento de um profissional capacitado para que sua dieta seja balanceada e que os aspectos prejudiciais da vida moderna sejam modulados. Como toda “dieta”, o acompanhamento de profissionais é de extrema importância para que você obtenha o sucesso e a saúde como um todo.

Francis Moura
Nutricionista
Pós Graduada em Nutrição Funcional pela VP
Pos graduanda em Nutrição Esportiva Funcional pela VP